5 comentários:
De talequalmente a 15 de Junho de 2007 às 20:36
Vergonhoso, de facto. Sem contar com o "urinol" público em que se transforma durante a euforia nocturna.
De Nuno Cargaleiro a 15 de Junho de 2007 às 20:46
Puxando a braza à minha sardinha (em matérias do blog que possuo), uma das maiores aberrações "físicas" é a transformação constante de antigos cinemas e teatros em edifícios que nada têm a ver com a cultura que trazemos, mas com uma massificação de consumismo e frieza. Sejam hoteis, centros comerciais, cinemas porno, ou parques de estacionamento, destroem-se memórias, perdem-se referências, sem uma preocupação de reconstrução de novas. Ignora-se a cultura, criam-se "guetos" elitistas e contribuem em criar uma massa com tendência a estupidificarem-se... digo eu!...
De Sofia Gonçalves a 17 de Junho de 2007 às 17:35
Desculpem mas não pude deixar de rir com os comentários que Ferreira Fernandes escreveu.Sinceramente não me posso pronunciar porque ha anos que não vou ao Bairro Alto.Mas penso que há coisas piores
De joao_azm a 17 de Junho de 2007 às 19:48
Caros amigos não se preocupem que´isso é tudo um plano da Al-Quixeda-da-Carnota. O objectivo é desmoralizar os habitantes da cidade, principalmente os do Bairro Alto para poderem instalar uma base de misseis de cuspo contra a baixa pombalina. Afinal quem é que já não achou piada em ficar com os pés colados ao chão com pastilhas elásticas, ou tropeçar em garrafas caidas no chão? Aquele Bairro alto vai ser mais uma conquista!!
De Lopez a 17 de Junho de 2007 às 22:44
É verdade, uma vergonhosa "montra" . Tolerância zero aos vândalos !

Comentar post