.Bem-vindo a Portugal no seu pior
Portugal não é só um país de maravilhas. Anda por aí muita coisa a precisar de arranjo: nódoas urbanísticas, atentados ao ambiente, estradas perigosas, poluição, espécies ameaçadas, etc. O "Tal&Qual" conta consigo para apontar as aberrações a precisar de acção mais rápida. Neste blog, pode consultar as escolhas de alguns convidados, indicar as suas, comentar, debater e até votar. Ajude-nos a chamar a atenção para o que está mal.
.Aberrações recentes

. Quarteira vence “As Grand...

. "O meu estádio é bonito"

. André Sardet

. Arons de Carvalho

. Paulo Andrade

. Adolfo Luxúria Canibal

. Fernando Negrão

. "Ninguém mexe no ninho"

. Leonel Moura

. Anthímio de Azevedo

. Miguel Relvas

. Polémico e estranho "piri...

. Isaltino Morais

. Teresa Caeiro

. Carlos do Carmo

.Arquivos
.tags

. todas as tags

.Outros locais pouco recomendáveis
Sexta-feira, 6 de Julho de 2007
Fernando Mota

Presidente da Federação Portuguesa de Atletismo

1 – Lisboa:

·        As obras do metro do Terreiro do Paço - fruto de estudos que não ponderaram as situações constrangedoras que impedem a execução da obra em tempo útil;

·        Parque Mayer e a Feira Popular - filhos da mesma impotência que não respondem às necessidades actuais dos lisboetas e estão dissociados da cultura viva em Lisboa;

·        O edifício dos serviços da União Europeia no Cais do Sodré - barreira de betão porque impede a fruição de um espaço público;

·        O encerramento da CRIL (Cintura Regional Interna de Lisboa) - cria o estrangulamento de trânsito em outras áreas mais próximas;

·        A marina do Parque das Nações - um erro de casting;

·       O Pavilhão Atlântico – obra de regime com muitos projectos de utilização e que continua sem utilização ou utilização indevida;

·       O Cais do Oriente - apesar de belo esteticamente é pouco funcional para os utentes.

2 - A A8, entre Lisboa e Torres Vedras, que é um troço que ajuda avaliar o estado da minha coluna e a perícia em controlar a viatura em curvas com inclinação ao contrário.

3 - As megalomanias da década de ’70: Prédio de Sto. António, na Covilhã, Prédio Coutinho, em Viana do Castelo, o edifício do Duna Mar Aparthotel de Monte Gordo, no Algarve, as Torres de Ofir e um prédio também dessa época de modismos que está próximo da Marina do Funchal e integra um centro comercial.

4 - A cimenteira do Outão, na Arrábida – já tem décadas, mas sempre que alguém governa continua a encontrar álibis para justificar o injustificável.

5 - O Estádio do Algarve – o local em que foi construído, parece haver uma desadaptação à realidade e à taxa de utilização efectiva.

6 – O Estádio Nacional - não responde às verdadeiras necessidades da população e dos atletas.

 

publicado por talequalmente às 12:55
link do post | comentar | favorito
.Não fique calado!
Faça perguntas difíceis. Apresente as aberrações que conhece. Discuta e faça sugestões. Disponha sempre do nosso mail: equipatalequal@sapo.pt
.Procure aqui a sua aberração preferida